1983: O Ano dos Videogames no Brasil

Games – SP, SP

Quer ver um documentário sobre a história da chegada dos videogames ao Brasil, com imagens de arquivo da época e entrevistas fantásticas? Esta é sua chance! Vem aí um documentário feito por e para os fãs, sem interferência de terceiros/curiosos ou emissoras de TV envolvidas, isto é, do jeito que nossa comunidade sempre quis!

Vamos juntos construir este verdadeiro documento sobre os primórdios da memória afetiva de pixels e bits! Para participar, basta clicar numa de nossas recompensas e contribuir para que vençamos mais esta batalha!

Contribua com este documento histórico do passado dos games no Brasil! Basta clicar ao lado e fazer parte!

Crowdfunding para: 1983: O Ano dos Videogames no Brasil
SP
São Paulo
O primeiro documentário brasileiro que contará definitivamente a história de como o videogame, enquanto nova forma de entretenimento, chegou ao país.
Vídeo (Youtube)
Quem receberá os recursos da campanha?: 
Um indivíduo ou grupo de pessoas.
Tipo de financiamento: 
Flexível
Meta: 
R$20 000.00(mínimo de R$ 500,00)
Primeiro nome (legal): 
Marcus Vinicius
Último nome (legal): 
Garrett Chiado
Endereço de Residência (Legal): 
Rua Basílio da Cunha - 180
São Paulo / SP
01544000
Data de nascimento: 
segunda-feira, 19 Março, 1973
Telefone: 
(11) 9865-79616

Muito obrigado por acreditar em nossa ideia, por apoiar este que será, estamos certos, o documentário definitivo sobre a chegada do videogame ao Brasil.

Endereço empresarial registrado: 
Tipo de pagamento: 
MoIP
Paypal
Primeiro nome no Paypal: 
Marcus Vinicius
Último nome no Paypal: 
Garrett Chiado
Recompensas: 
NOSSO MUITO OBRIGADO!
CASIO GAME-10
GAME & WATCH
TELEJOGO
TELEJOGO II
ODYSSEY
ATARI 2600
DYNAVISION
INTELLIVISION
SPLICEVISION
PRODUTOR EXECUTIVO!
Prazo da campanha: 
quinta-feira, 26 Março, 2015
Exibir no "Explore"

(Artur e Marcus entrevistando o Sr. Kazuaki Ishizu, antigo funcionário da Splice do Brasil)

ATENÇÃO: "1983: O Ano dos Videogames no Brasil" contará a história de como o videogame, enquanto nova forma de entretenimento, aportou no país oficialmente em 1983, mas igualmente trará informações sobre o antes e algo sobre o depois. O foco serão, essencialmente, os aparelhos que antecederam os cartuchos, tais como os relógios com jogos da Casio, os portáteis Game & Watch e os PONGs/Telejogos, mas principalmente - e com destaque - a primeira geração nacional de videogames propriamente dita, isto é, a geração do Odyssey, do Atari 2600 e seus clones, do Intellivision e do SpliceVision (ColecoVision). O documentário não tratará da história dos videogames no Brasil de uma forma generalizada, portanto, não abrangeremos as gerações seguintes (NES, Master System, Mega Drive, Super NES etc.) nem os jogos de microcomputadores clássicos; estes tópicos são assuntos para outras produções.

Falamos de uma ideia que pretende ser encabeçada por Marcus Vinicius Garrett Chiado, autor dos livros "1983: O Ano dos Videogames no Brasil", "1984: A Febre dos Videogames Continua" e coeditor da revista eletrônica Jogos 80, e por Artur Palma, diretor da ZeroQuatroMídia, produtora de conteúdo de games para o Kapoow!, site que integra o GameHall do UOL. Falando do Kapoow!, o jornalista André Forte, seu mentor, também estará conosco na parte de divulgação e apoio!

Teremos, ainda, a assessoria de um jornalista que já produz matérias sobre o tema, o amigo Carlos Bighetti, atualmente ligado à TV Cultura de São Paulo. Não bastasse, o documentário receberá uma trilha sonora eletrônica especial desenvolvida pelos músicos Pulselooper e Droid-ON, ambos do selo Chippanze, cujas composições utilizarão videogames como instrumentos musicais. Como podem ver, muitas pessoas, nem todas listadas aqui, estão envolvidas!

Contamos também com vocês, colaboradores e amigos, pois ninguém faz nada sozinho. Faça parte!

(Capas dos livros que usaremos como base para o documentário. Imagem: Saulo Santiago)

Temos em mente que o montante de R$ 20 Mil não é pouco, mas somente com estes recursos será possível, por exemplo, viajar a outros estados para realizar as entrevistas e licenciar imagens de arquivo da época, que estão nas mãos de emissoras de TV e jornais. Além disso, queremos contratar uma equipe de produção profissional com equipamento moderno e pessoal qualificado que já realiza vídeos para o mercado de games e Internet.

Façamos com que esta ideia saia do papel! Não perca tempo, escolha uma das recompensas ao lado e apoie!

Participar é muito, muito fácil. São dois passos:

  1. Escolha o valor da sua contribuição e sua recompensa ao lado
  2. Escolha a forma de pagamento, boleto ou cartão de crédito (parcele em até 6x com parcela mínima de R$ 25).

Kickante é um site seguro e é um dos maiores sites de crowdfunding do mundo arrecadando fundos para causas nobres no Brasil afora e tirando muito projeto sensacional do papel.