Abas primárias

PEQUENO SORRISO NO CANTO DA BOCA

Cinema - Belo Horizonte, MG
kicks
Arrecadados da meta de R$60.000,00
Tudo ou nada

Esta campanha só será financiada se arrecadar pelo menos R$60.000,00 até 05/03/2019.

Recompensas

O Projeto

Pequeno Sorriso no Canto da Boca, livro de contos lançado em 2013, do escritor e também cineasta Sérgio Gomes, aborda em seu contexto universos paralelos, expansão de consciência, histórias que quebram a barreira entre realidade e imaginação. A adaptação de 4 contos deste livro, será interligada por uma mesma linha narrativa no que se trata da relação entre o universo criado por Sérgio Gomes. Três diretores, Giuliano Murta, Beto Guerino e Ivo Costa estão com roteiros já adaptados, equipe técnica e elenco alinhados. Pequeno Sorriso no Canto da Boca ganha forma e tem lançamento previsto para o segundo semestre de 2019.

O Autor

Sérgio Gomes

 

Sérgio Gomes Oliveira ingressou no cinema em 1998, onde por três anos cursou a S.V.A School of Visual Arts, em Nova York, especializando-se em Direção e Direção de Fotografia.

Lá trabalhou em curtas e médias-metragens como Assistente de Produção, retornando ao Brasil no ano de 2000, onde tem trabalhado no ramo de cinema e vídeo como Diretor, Diretor de Fotografia e Roteirista.

Em 2005 foi produtor executivo da série televisiva Horizontes do Desconhecido, no canal fechado Way.tv.

Como Diretor de Fotografia realizou vários trabalhos em comerciais, institucionais, filmes e vídeo clipes, sendo premiado no ano de 2005 no festival de Brasília e FAM (Festival da América Latina), pelo curta-metragem de Gustavo Arantes, Miragem. No Festival Gramado Cine Vídeo foi premiado duas vezes em 2007 com o filme Trem Fantasma e no Festival Cine Esquema novo também no mesmo ano.

Como Diretor tem em seu currículo nove curtas-metragens dois documentários e três longas. Bacharel no curso de comunicação com habilitação em cinema, 2009 pela UNA e Professor na Escola Livre de Cinema em Belo Horizonte, 2002-2010.

Como roteirista tem vários curtas escritos e quatro longas-metragens. Entre eles foram realizados Bem Próximo do Mal 2007, Fora de Ordem 2010 e No Canto do Olho 2018.

Autor dos Livros Pequeno Sorriso no Canto da Boca, Observadores e Naquela Direção, ainda em desenvolvimento.

Os Diretores

Beto Guerino

 

Beto Guerino é ator, diretor, produtor cultural e realizador audiovisual. Graduou-se em Artes Cênicas pelo UNI-BH, em 2004, quando tira seu registro profissional de ator. Estudou na escola CETEAC (Centro de Treinamentos e Estudos em Artes Cênicas), entre 2006 e 2007, dos diretores da Rede Globo Fred Mayrink e Pedro Vasconcelos, no Rio de Janeiro. Seu primeiro trabalho como ator foi em 2002, no clipe da música “Pecados” da banda de rock mineira Scarcéus, e, depois disso, teve diversas experiências no teatro, no cinema e também na televisão. Em 2009, estudou na Escola Livre de Cinema, em Belo Horizonte, e, a partir daí, começou a exercer outras funções para além da atuação, como assistente de produção, produtor audiovisual, assistente de direção, roteirista e direção. Recentemente, foi assistente de produção nas peças, “O Segredo do Sucesso”, direção de Byron O´Neill e “Uma Tendência Para Alegria”, direção de Ronaldo Jannotti. Agora, em 2018, cria a sua produtora Reta Retórica para assinar seus projetos teatrais. No cinema tem estreia prevista para o primeiro semestre de 2019 do longa “Arigó”, onde Beto interpreta o personagem “Totonho”.

Giuliano Murta

 

Partiu de Giuliano Murta a concepção do projeto Pequeno Sorriso no Canto da Boca. Desde novo interessado também no trabalho atrás das câmeras, cinema e fotografia. Começou como autodidata, depois fez cursos nessas áreas em BH, na Escola Livre de Cinema e em NY, na School of Visual Arts e New York University.  Cursou também interpretação para cinema no Stella Adler Studio, em NY.

Atuou em curtas, 1 longa, apresentador de campanha política e publicidade. Também foi cinegrafista e auxiliar em tv.  Dirigiu em NY, em 2012, o curta Deep Cut.

Ivo Costa

 

Apaixonado pelo gênero de horror, Ivo Costa atua como crítico do site Boca do Inferno. Em 2012, decidiu realizar seus próprios filmes. Formado pela Escola Livre de Cinema, iniciou sua carreira como co-diretor no curta Galado. Em 2013 trabalhou como assistente de direção nos curtas Cabeça de Gesso e A Vida Continua. Mas foi em 2014 que decidiu abraçar o horror, realizando o curta Sexta-Feira da Paixão, que teve grande participação em festivais pelo Brasil. Inspirado em Mario Bava e Dario Argento, dois mestres do cinema de horror italiano, em 2016 realizou o curta O Presente de Camila. E agora em 2018, trabalhou como diretor na primeira produção do Boca do Inferno, com o curta Influência.

Os Seguimentos

Exílio

Uma cidade decide exilar a raiz de toda maldade existente nela; mas até onde o bem sobrevive sem o mal?

3

Em uma grande metrópole, uma garota comum vivencia um cotidiano surreal e começa a duvidar de sua própria sanidade. Cruzando com tipos obscuros, ela questiona se o que vive é apenas fruto de sua imaginação ou a realidade. 

Manchete do Dia

Um empresário bem-sucedido, arrogante e amoral, descobre que sua vida controlada e minuciosa pode não ser exatamente o que ele sempre imaginou. E que o controle que ele julga ter está prestes a se esfacelar por completo.

Ossos do Ofício

Conservar e recuperar filmes em película faz parte da rotina do trabalho de Andrade, até que fotogramas de um rolo misterioso mudarão sua  concepção entre real e imaginário.

 

Pequeno Sorriso no canto da Boca - Apresentação

 


A hora é agora! Contribua com
PEQUENO SORRISO NO CANTO DA BOCA


Conheça quem está à frente desta campanha

giuliano murta
  giuliano murta
  

Você acredita que essa campanha tenha conteúdo proibido? Reporte esta campanha.