Vaquinha do Theo
Vaquinha do Theo
Santo André - SP
VaquinhaAnimaisCaridade e Filantropia
R$ 125,00 da meta de R$ 1.500,00
0%

Olá Aumigos, tudo bem com vocês? Meu nome é Theodoro (minha mãe e meu pai me deram o nome do meu biso, pomposo né rsrs, eu amo)
Infelizmente com a gente não está muito bem, vou contar pra vocês tudo que eu e minha fAUmilha estamos passando.
Quinta-Feira dia 12 de Maio de 2022 eu meu irmão Adilson acabamos fugindo (sabe como é nos cachorros não podemos ver uma mínima brecha e ja queremos sair correndo e pulando por ai, faz parte da personalidade, mas depois do que aconteceu eu acho que nunca mais vou querer sair de casa sem ser com a mamãe e o papai) , quando escapamos meu irmão acabou sendo atropelado em frente de casa ( eu não vi e continuei correndo) , minha mãe e meu pai assim que viu o que estava acontecendo correu pra ajudar meu irmão e me colocar de volta em casa ( eu queria so correr adoidado por ai o mundo é tão grande) , meu pai pegou meu irmão e minha mãe veio atrás de mim, eu achei que como sempre estávamos brincando (AAAAAH eu amo brincar com meus pais e meu irmão, sou muito brincalhão) e sai correndo mais e mais, infelizmente não notei que minha mãe na vdd estava tentando me proteger do que tinha por vir, a 2 quarteirões da minha casa tem uma grande avenida que do outro lado tem uma fábrica (minha mãe chama de petroquímica), por lá passam muitos carros todos os dias, e infelizmente enquanto eu corria pensando estar em uma brincadeira um carro me viu e acelerou, passou por cima de mim e me arrastou por vários metros, minha mãe gritava e eu chorava mas o carro não parou para me ajudar, minha mãe desesperada com meu estado de saude pois tinha muito sangue nos asfalto e eu estava jogado chorando, me pegou e saiu correndo pra casa gritando pelo meu pai que estava socorrendo o meu irmão Adilson e acabou que não anotou a placa do sem coração. O amigo da mamãe e do papai (sou muito grato a ele e mamãe e papai também) que estava em casa com a gente quando tudo aconteceu foi um anjo em nossas vidas nos levando imediatamente ao médico de cachorros ( acho que é Vet o nome, eu chamo de pessoas que me ajudam a melhorar) chegando la fomos atendidos imediatamente e enquanto éramos atendidos esse amigo vulgo nosso Anjo, ligou para outra medica que é cliente dele e disse o que estava acontecendo ela por sua vez disse para nos levar na clínica dela pois sabia que meus pais gastariam muito dinheiro com nós dois e queria que nos tivéssemos o melhor cuidado possível com um pouco de desconto pra ajudar meus pais, então fomos pra la e fomos muito bem cuidados.
Ficamos internados e no dia seguinte meu irmão e eu fizemos muitos exames, meu irmão felizmente só teve alguns machucados e um pequeno Pneumotórax e no mesmo dia estava liberado ele ia receber o resto do tratamento em casa.. Bom eu não tive essa mesma sorte, na batida eu acabei quebrando a minha vertebra sacral ( é o finalzinho da coluna que junta o rabo e as costas), tive um Pneumotórax muito mais grava que meu irmão e então precisaria ficar internado por muito mais tempo pois meus médicos queriam avaliar uma cirurgia para minha vertebra e fazer uma pulsão pulmonar em mim, minha mae ficou desesperada e chorasa pois  eu estava correndo risco de vida e como ela sempre diz sou tão filho dela quanto minhas irmãs humanas, minha mãe fala que nunca foi muito de ter fé em algo no mundo, mas naquela sexta feira dia 13 de maio ela orou pra Deus e disse a ele que se eu não precisa-se fazer a pulsão (que era onde eu mais corria riscos) ela por 1 ano não pintaria o cabelo (pode parecer besta mais a minha mãe ama estar com o cabelo colorido, nesses 6 meses que estou com meus pais ela ja deve ter pintado de umas 6 cores diferentes kkk eu acho hilario) e que todos os dias acenderia uma vela pela minha vida .. No dia seguinte meus medicos disseram que não recomendavam fazer a pulsão pois tinha mais risco de morte fazer do que se eu ficasse e fosse lutando contra isso e que o outro medico o Ortopedista disse que minha coluna era inoperável, mas que eu ficaria bem se caso eu ficasse de extremo repouso até meus ossinhos se colarem, mas eles queriam que eu ficasse la por mais um dia para terem certeza que eu estava realmente bem. No domingo a noite eu fui para casa, eu estava tão feliz queria cheirar tudo aaaah era meu lar de volta ( eu estava com tanto medo de ser abandonado pelos meus pais, pois sei que muitos bichinhos assim como eu diariamente são abandonados por pessoas que acham que nós não merecemos um lar quentinhos e amoroso), fui recebido com cama nova, cobertores novos e roupas bem quentinhas ( o frio aqui em SP ta mais congelante que a magia da Elza , e eu sou muito friolento) eu estava feliz novamente, porém não podia me mexer muito então minha mãe e meu pai adaptaram um cercadinho do lado da cama deles para mim não me esforçar demais e eles sempre estarem bem pertinhos de mim (eu amo e eles tbm hahaha) mais infelizmente eu estou tendo que tomar muitos remédios pra dor que eu sinto por causa do meu ossinho quebrado, pra minha pata toda machucada ( que inclusive eu não consigo colocar no chão) pro meu probleminha de pulmão e pro meu estomago, e infelizmente os remédios para meu estomago não conseguiram me proteger de ter uma gastroenterite muito forte e assim mais uma vez tive que voltar a ficar internado ( poxa mas eu fiquei apenas 6 dias em casa) .. E eu estou contado toda essa história pois meus pais precisam de ajuda para pagar por minha internação que não tem tempo de acabar pois eu so vomito, não consigo comer e preciso continuar com todos os meus remédios via intravenosa pois se eu tomar via oral tudo vai piorar e eu posso até morrer e meus exames :( .
Minha mãe está disponibilizando nas fotos todos os gastos que ja tiveram (ela e meu pai) com a gente até agora para validar minha história e mostrar que precisamos mesmo da sua ajuda, pra mim poder vencer essa e ir pra minha casa quentinha junto com minha fAUmilha ( to com muita saudades) .

Na primeira foto sou eu (preto com marrom hihi, lindão eu sei) internado nesse exato momento, na terceira foto é meu irmão em casa bem ja aproveitando as cobertas porque ta friooo, a quarta foto sou eu e meu irmão antes disso tudo quando minha mãe e meu pai se mudaram para uma casa maior para nos dar mais qualidade de vida, o restante das fotos são dos gAUstos que meus pais tiveram até agora.

 

Desculpem me prolongar é que era muita informação para dar.

Um Lambeijo e obrigada por ter chegado até aqui <3

Ass: Theodoro, Amanda (mãe) e Gabriel (Pai)

É muito fácil participar.

Finalize em segundos!

Mais de 2 milhões de brasileiros

Pagamento seguro

Parcele em até 12X

Contribua com o que puder porque no financiamento
coletivo 20 reais de cada pessoa faz uma grande diferença!

Fale com a Kickante

A mais completa plataforma de
Crowdfunding do Brasil

R$ 125,00
da meta de R$ 1.500,000%
Vaquinha do Theo
Santo André - SP
VaquinhaAnimaisCaridade e Filantropia
Campanha lançada em 23/05/2022

Campanha Flexível

Destaque

Matheus Gazoni

1º Kick

R$ 50,00

Matheus Gazoni

Maior Kick

R$ 50,00

Anônimo

+ Recente

R$ 50,00

+ 2 milhões

de brasileiros participando na Kickante

Mais de 300 milhões de reais

Contribuídos para projetos variados

+ 100 mil projetos

São milhões de brasileiros impactados!

Painel Transparente

Veja o status real de toda contribuição.