Abas primárias

LOADING...

Games - São Paulo, SP
kicks
Arrecadados da meta de R$23.000,00
Encerrado!
Tudo ou nada

Esta campanha recebeu todos os fundos arrecadados até 08/05/2019.

Recompensas

  • R$10,00

    Nestor (só obrigado!)
    Receba o nosso muito obrigado!
    3 pessoas kickaram.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$25,00

    CP300 (download)
    Faça o download do documentário em Full HD e tenha seu nome nos agradecimentos.
    49 pessoas kickaram.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$50,00

    TK85 (download + DVD)
    Faça o download do documentário em Full HD, receba o DVD e tenha seu nome nos agradecimentos.
    41 pessoas kickaram.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$100,00

    CP400 (download + Blu-ray)
    Faça o download do documentário em Full HD, receba o Blu-ray e tenha seu nome nos agradecimentos.
    55 pessoas kickaram.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$200,00

    TK90X (download + DVD + BD)
    Faça o download do documentário em Full HD, receba o DVD e o Blu-ray, e tenha seu nome nos agradecimentos.
    9 pessoas kickaram.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$500,00

    Unitron apII (mídias + envia vídeo + livro)
    Receba as mesmas recompensas da categoria "TK90X" e tenha a chance de enviar um vídeo curto (opcional), relacionado ao tema (um "causo", história, curiosidade ou mensagem), que será adicionado ao documentário. OBS.: o envio do vídeo não é obrigatório. Receba também um exemplar autografado do livro "Jogos Eletrônicos & Eu: Crônicas de um Passado Presente", obra de autoria de Marcus Garrett.
    10 pessoas kickaram.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$1.000,00

    Expert/Hotbit (mídias + vídeo + livro + sessão especial)
    Receba as mesmas recompensas da categoria "Unitron apII" e tenha a chance de comparecer a uma sessão especial do documentário, em primeira mão e como convidado, antes de todo mundo.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$1.500,00

    Amiga 500 (mídias + vídeo + livro + sessão especial + gravações)
    Receba as mesmas recompensas da categoria "Expert/Hotbit" e tenha a chance de participar, in loco, da realização de uma ou mais entrevistas (em São Paulo, Capital; despesas de locomoção e estadia (se aplicável) por conta do Kickador).
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$2.000,00

    Produtor Executivo
    Receba as mesmas recompensas da categoria "Amiga 500" e também tenha acesso a informações exclusivas de bastidores, tais como fotos e vídeos de making of, em tempo real (sempre que tecnicamente possível). Receba um exemplar autografado do novo livro "Zeta Games: Memórias de uma Locadora nos Anos 90" de Marcus Garrett. QUANTIDADE LIMITADA: 5.
    Uma pessoa kickou.
    Restam 4 kicks.
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$5.000,00

    Produtor Executivo VIP
    Receba as mesmas recompensas da categoria "Produtor Executivo" e ganhe um microcomputador clássico (surpresa) autografado por alguns dos pioneiros programadores brasileiros de jogos. Receba também uma inédita coleção de livretos da WarpZone relacionada ao assunto e um brinde surpresa oferecido pela Playtoy Brinquedos. QUANTIDADE LIMITADA: 2.
    Uma pessoa kickou.
    Ainda resta um kick!
    Entrega estimada em 01/12/2020

  • R$10.000,00

    PATRONO
    Receba as mesmas recompensas da categoria "Produtor Executivo VIP" e tenha a chance de assistir ao documentário, em caráter absolutamente único, em uma primeiríssima sessão exclusiva com os autores do projeto: o Carlos Bighetti e o Marcus Garrett - somente vocês três! QUANTIDADE LIMITADA: 1.
    Uma pessoa kickou.
    ESGOTADO! Todos os kicks foram adquiridos.
    Entrega estimada em 01/12/2020

LOADING...

Nossos Primeiros Jogos de Computador

 

Introdução:

Os jogos dos primeiros microcomputadores pessoais, anteriores aos atuais PCs e aos Macintosh, superavam os dos videogames da época, como o Odyssey, o Atari e o Intellivision, em qualidade de imagem e som, complexidade e quantidade de memória. Diferentemente dos consoles, os jogos dos micros eram distribuídos em fitas cassetes e também nos chamados disquetes (discos flexíveis de 5,25 ou de 3,5 polegadas), mídias cuja capacidade de armazenamento - e facilidade de duplicação - era “infinitamente” superior se comparada aos cartuchos (*). Os jogos daquelas máquinas pioneiras, como o TRS-Color, o Apple II, o ZX Spectrum, o MSX e o Amiga, constituíam enorme evolução, pois, além de melhores gráficos e maior número de cores na tela, muitos traziam profundidade em termos de enredo - alguns até tinham “historinhas” e apresentações, algo impensável nos videogames daquela geração.

*- Algumas linhas também faziam uso de cartuchos, tais como o CoCo e o MSX.

 

Objetivo:

O objetivo do documentário é revelar, por meio de linguagem leve e lúdica, como eram os jogos dos primeiros microcomputadores pessoais que chegaram ao Brasil com muito atraso, clones propiciados pela Reserva de Mercado, bem como produtos oficiais que aqui apareceram (os MSX nacionais, o Amiga trazido pela PCI), além de todo o “ecossistema” gerado por aquela novidade tecnológica: os pioneiros programadores brasileiros e suas criações, as primeiras softhouses, os primeiros clubes, as trocas de jogos em fitas cassetes e em disquetes, as primeiras revistas etc. Tudo, claro, sempre com foco nos jogos e na realidade brasileira. Conversaremos também com colecionadores e entusiastas, à época crianças, adolescentes e jovens adultos - hoje "homens barbados" e com família - que tiveram a oportunidade única de consumir aqueles jogos, de brincar com eles quando eram novidade.  

 

Recorte histórico:

O período abarcado contemplará, grosso modo, o ano de 1980 até meados dos anos 1990, período que antecedeu a "era moderna" dos jogos de PC e o uso de placas de vídeo com recursos 3D. Linhas que abordaremos: Apple II, Tandy Radio Shack (TRS-80 e TRS-Color), Sinclair (ZX81 e ZX Spectrum), MSXAmiga e IBM PC (pré-3D).

 

Alguns nomes já confirmados:

Renato Degiovani (pioneiro programador brasileiro de jogos, criador de "Amazônia"), Luiz F. de Moraes (pioneiro, autor do adventure gráfico "A Lenda da Gávea"), Divino Leitão (pioneiro, criador de "Cavernas de Marte"), Ademir Carchano (pioneiro do MSX no país, criador da MegaRAM e dos kits de transformação "2.0", além do jogo "Disco Laser" para o Ringo), Manuel Fraguas e Luiz Capanema (criadores de jogos para a linha ZX81, tais como "Atlantida" e "Lunar Rescue"), Tadeu Curinga da Silva (idealizou, aos 16 anos de idade à época, o jogo "Em Busca dos Tesouros"), Everaldo Lima (ex-funcionário da Prologica), Claudio Cassens (ex-funcionário da Microdigital), Rene Ballesteros (ex-funcionário da softhouse Cibertron), Paolo Pugno (ex-funcionário das softhouses Plan-Soft e Disprosoft), José Schiavoni (pioneiro jornalista de tecnologia), José Eduardo Neves (ex-sócio da softhouse Ciberne), Richard Valdivia (ex-funcionário do MISC - MSX International Service Club), Alexandre Neves (ex-sócio da Soft Seven), Denis L. Silva (ex-funcionário da Imarés Computadores) e tantos outros!  Total previsto de entrevistados: de 20 a 25. 

 

Quem são os responsáveis pelo projeto? Em ordem alfabética: 

Carlos Bighetti - Produção, Direção e Captação em SP, Capital: Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero em 2001. Passou pelas TVs Cultura, SBT, Globo, Record, Rede TV! e Gazeta, como produtor, editor e repórter. Atualmente, "pilota" o projeto do filme VARIG - AS ASAS DO BRASIL, em fase de captação de recursos. E, no YouTube, faz o Canal Flashback, que traz curiosidades sobre velharias! É apaixonado por televisão, arquitetura, aviação, exploração espacial, videogames, épocas passadas, carros antigos e bodybuilding.

Lucas Juswiak - Montagem/Edição e Finalização: É publicitário, músico e produtor de vídeo. Gaúcho, trabalha com vídeos desde 2007, produzindo diversos materiais para TV e internet, como videoclipes, documentários e institucionais. Foi o editor do documentário "1983: O Ano dos Videogames no Brasil", além de produzir, gravar e mixar a música “Synthonia” também para o filme.

Marcus Garrett - Produção e Direção: Bacharel em Comunicação Social – com habilitação em Rádio e TV – pela UMESP (Metodista) de São Bernardo do Campo e especialista em Biblioteconomia pela FIJ (Rio de Janeiro), é coeditor da revista eletrônica “Jogos 80” desde 2004 e autor dos livros “1983: O Ano dos Videogames no Brasil” (2011) e “1984: A Febre dos Videogames Continua” (2012), bem como da segunda edição de ambos em volume único: “1983+1984: Quando os Videogames Chegaram” (2017). Outras obras recentes incluem “Jogos Eletrônicos & Eu: Crônicas de um Passado Presente” e a recém-lançada "Zeta Games: Memórias de uma Locadora nos Anos 90". É roteirista, produtor e diretor, em parceria com o Artur Palma da produtora ZeroQuatroMidia, do documentário “1983: O Ano dos Videogames no Brasil”, um longa-metragem – também financiado via Kickante – lançado em setembro de 2017 no MIS (Museu da Imagem e do Som) em São Paulo. O documentário pode ser visto gratuitamente neste endereço: https://www.youtube.com/watch?v=BpYfeR7p8yw

Pedro Ivo Prates (Pedrux) - Captação e Fotos (interior e litoral de SP): Iniciou a carreira de fotojornalista em 1994 no Diário de Mogi, em 1998 foi para São José dos Campos para ser repórter fotográfico do jornal Valeparaibano, cidade na qual reside até hoje. Em 2001 passou a ser editor assistente e, em 2009, editor de fotografia no mesmo jornal. Em 2015, Prates apostou na revolução do jornalismo e foi para o Grupo Meon de Comunicação, onde trabalha com o jornalismo em diferentes plataformas: impressa, em vídeo e digital. Em 2009, recebeu o Prêmio UNITAU/Ziraldo de melhor fotojornalista do Vale do Paraíba e, desde 1998, ele é colaborador free lance do jornal O ESTADO DE SÃO PAULO, o ESTADÃO. O material fotográfico de "Pedrux", como é conhecido entre os amigos, já foi publicado em diversos jornais no Brasil e no mundo. Em 2016, criou o CLUB 16-BIT, um núcleo audiovisual que aborda uma de suas paixões: o videogame.

Saulo Santiago - Design e Artes Gráficas: Trabalha com design gráfico e ilustração desde 2001. Foi responsável pela edição de fotos e artes gráficas do documentário "1983: O Ano dos Videogames no Brasil", e também é colaborador, há anos, da Revista Jogos 80. Atualmente trabalha no projeto CloNES, que visa a preservar a história dos clones do "Nintendinho" no Brasil.

OBS.: se as metas estendidas forem atingidas, contrataremos profissionais recomendados para as gravações no Rio e em Minas Gerais.

 

Meta Inicial:

Trabalharemos com a meta inicial de R$ 23 Mil, montante com o qual teremos condições de realizar as gravações das entrevistas em São Paulo, Capital, bem como no interior e no litoral do estado. Além das gravações, o valor será utilizado para cobrir gastos com transporte (dentro e fora de São Paulo), backup de dados, edição e finalização, autoração, duplicação e entrega (Correios, courier) das mídias (DVD e BD), e também para pagamento da taxa de 10% cobrada pelo Kickante.  

Meta Estendida 1:

Caso o valor inicial seja ultrapassado em R$ 1.000,00 (totalizando R$ 24 Mil), gravaremos também no Rio de Janeiro.

Meta Estendida 2:

Caso o valor inicial seja ultrapassado em R$ 2.000,00 (totalizando R$ 25 Mil), gravaremos também em Minas Gerais.

 

Previsão de gastos:

 

Dúvidas?

FAQ oficial do Kickante: https://goo.gl/NEe3Nt

 

1) Se o valor pretendido não for financiado, ainda assim o documentário será realizado?

- Não, optou-se pela modalidade "Tudo ou Nada", portanto, necessitamos pelo menos do valor descrito na meta inicial para que o projeto saia do papel.

2) Quando o filme será produzido e quando ficará pronto?

- Se o financiamento for bem-sucedido, a pré-produção acontecerá de imediato e as primeiras entrevistas serão feitas assim que o montante for repassado pelo Kickante, isto é, em junho ou julho de 2019. A previsão de lançamento é o final de 2020, mas o filme poderá ficar pronto antes.

3) Encontrarei jogos como League of Legends, MechWarrior, Age of Empires e Minecraft no documentário?

- Não, o filme abordará tão-somente os primeiros jogos de computador que apareceram no Brasil, títulos que saíram entre 1980 e 1995.

4) Eu perdi a campanha do Kickante ou não fiquei sabendo dela... Poderei adquirir o documentário posteriormente?

- Sim, ao contrário do "1983: O Ano dos Videogames no Brasil", o documentário "Loading..." é um produto comercial e poderá ser adquirido tanto em DVD quanto em Blu-ray - e eventualmente será exibido em canais a cabo ou em serviços de streaming ao estilo Netflix e Amazon Prime Videos.

5) De que forma as mídias (DVD e Blu-ray) serão enviadas aos Kickadores?

- Na cidade de São Paulo (excluindo-se o ABCD), usaremos o serviço de courier; para as demais regiões do Brasil, as recompensas serão enviadas via Correios na modalidade Carta Registrada.

6) Por que precisam de tanto dinheiro? Não seria mais fácil e cômodo realizar as entrevistas via Skype ou gravá-las com o celular mesmo?

- Na nossa concepção, essa é uma história que merece ser registrada com qualidade técnica e abordagem profissional. A captação de áudio, em especial, é um detalhe muito, muito importante que, quase sempre, apresenta falhas e imperfeições se não realizada de maneira adequada. Além de equipamentos de ponta e de profissionais qualificados, gastaremos com locomoção, estadia e alimentação. Não queremos realizar um trabalho "de qualquer jeito"!

7) Os DVDs e os BDs serão de que tipo? Gravados em casa?

- As mídias serão duplicadas profissionalmente pela EMD Media, a responsável pelos discos do documentário "1983", e terão ótima qualidade com direito a embalagem, papelada etc. 

8) I don't live in Brazil, but I'd like to pledge.

- Please, follow these instructions: https://goo.gl/LmLKDV


A hora é agora! Contribua com
LOADING...

Saiba mais sobre o criador desta campanha:

Facebook

Conheça quem está à frente desta campanha

Marcus Chiado
  Marcus Chiado
  

Você acredita que essa campanha tenha conteúdo proibido? Reporte esta campanha.