Abas primárias

Pelas lentes do amor

Criativo - Recife, PE

A campanha Pelas Lentes do Amor vai ajudar Xirumba a cuidar da saúde e a saúde, sabemos, não pode esperar. Doe agora.

Foi pelas lentes dos olhos de Xirumba que muitos dos nossos carnavais foram imortalizados. Não podemos perder esse talento, quando tanta tristeza nos assola diariamente. Doe agora e ajude a manter a poesia da existência viva através do olhar generoso de Xirumba.

“Chirumba-bá, Gê-gererê, Amim sem dadá, Cafi com você (...) Se você curte Alceu Valença, já deve ter ouvido esse trecho na música “Leque Moleque”. Um dos personagens, carinhosamente descritos, é Xirumba Amorim, 73 anos, poeta e fotógrafo olindense, conhecido por retratar, através de suas lentes, toda a magia do carnaval pernambucano e do nordeste do Brasil.

O artista, que, através de seu olhar sensível, capturou histórias, passa por problemas graves de saúde, que precisam de atenção urgente. Ele está acometido de artrose e com risco de perder a vista,  sem recursos para exames, tratamento e medicações necessárias.

Com o SUS sobrecarregado devido à Covid-19, ele não tem como esperar.

Para ajudar essa figura tão importante para a cena artística pernambucana, nós, seus amigos e amigas, nos juntamos numa corrente do bem e organizamos essa vaquinha solidária com o objetivo de arrecadar 27 mil reais. Tal valor será usado para pagar todos os custos de Xirumba para cuidar de sua vista e da artrose, ao menos durante 2021.

Se você não conhece Xirumba ou sua importância para Pernambuco, vamos te dar a oportunidade de conhecê-lo através de alguns dos seus trabalhos e, assim, entender como é importante que ele continue bem para nos presentear com mais retratos da alegria de ser pernambucano/a.

É importante que você saiba que a sua doação é um ato humanitário muito importante, que vai ajudar a manter Xirumba saudável para fotografar o nosso próximo carnaval e, assim, difundir nossa cultura nordestina pelo mundo afora.

Xirumba, o único fotógrafo do mundo que, em 2020, conseguiu tirar uma foto de dois Homens da Meia Noite desfilando juntos, tem dezenas de premiações, exposições, e muitos “causos” para contar. Além disso, Xirumba é, sobretudo, um cara de coração imenso a quem nós, seus amigos e amigas, apenas agradecemos pelo espaço que ocupamos dentro dele.

Essa vakinha é feita com amor, por amigos e amigas de Xirumba, para ajudar o fotógrafo e poeta olindense de 73 anos. Ele mora com um amigo e não tem renda, mas tem urgência em fazer tratamentos de saúde que pedem foco.

Se você não o conhece, essa é uma oportunidade de conhecer a obra dessa artista que já nos deu tanto. E saiba que a sua doação, de qualquer valor, será muito bem vinda. É, sobretudo uma causa humanitária importante ajudar a cuidar dos olhos de um artista, que souberam tão bem registrar a cultura nordestina, olhos que lhe trouxeram dezenas de prêmios, exposições, um passaporte para o mundo e milhões de casos para contar. Sim, porque além de tudo, Xirumba é um cara de coração imenso que a gente, que é amigo e amiga, só agradece por caber nele.

Essa vakinha vai ajudar o fotógrafo e poeta pernambucano de 73 anos a cuidar da saúde.

Doe para ajudar Xirumba

 

O "índio", como muitos o chamam, profissional consagrado com dezendas de premios e exposições e três livros publicados, Rei do Bloco Misto Carnavalesco Anarco-Etílico-Fuleragem– Coroas de Aço Inox, é hoje praticamente uma lenda viva. Há quem jure que ele já está para Olinda como o Keith Richards está para o planeta terra, inteirinho.

Xirumba, essa cara incrível e tão querido, precisa de você. Doe agora.

Xirumba Amorim é fotógrafo e poeta, tem 73 anos e 47 de fotografia profissional. Suas poesias e produções fotográficas podem ser encontradas em sua página no Facebook: https://www.facebook.com/Xirumba-Amorim-198574500679077/

Sabe aquela música Leque Moleque, cantada aos  quatro cantos por Alceu Valença?

"♫♫♫(...) é como um sonho,uma reza/um ato de solidão,energia dos doidos,motor da imaginação(...)Chirumba-báGê-gererêAmim sem DadáCafi com você. "♫♫♫(...)

Pois então, essa campanha é pra ajudar esse artista, o Xirumba.O fotógrafo e poeta olindense de 73 anos precisa cuidar da saúde e a saude não pode esperar.

Doe agora!

Olinda - Xirumba

 

 

Foto: ao redor da mesa (Xirumba)

Xirumba é um artista que captura em suas lentes (e mais recentemente em suas poesias) as contradições de um nordeste tão plasticamente exuberante quanto desigual. Suas fotos e textos falam de pessoas fortes e de culturas que resistem em condições adversas. É essa condição humana, engendrada em teias de injustiças que ele questiona, enquadra e reinventa a vida.

Texto de Liêdo Maranhão publicado em 2005, por ocasião dos 30 anos de carreira de Xirumba:

Se não se sabe quem é Arlindo Amorim, com certeza conhece-se Xirumba. Foi com esse apelido que ficou conhecido aqui e além-mar. Repórter fotográfico de revistas e jornais, premiado em diversos concursos e até jurado, Xirumba na juventude participou de um grupo de teatro, ou melhor, movimento, o "Asdrúbal Trouxe o Trombone", com ele percorreu o Brasil e foi até o México. Em Olinda, além de assustar ou, segundo alguns, ofuscar Augusto Boal, criou o movimento Balança o Coreto. Antes de ecologia e ONG serem moda, já criava com outros a TV VIVA, e pasmem, foi "muso" de Alceu Valença. Por toda experiência de vida cultural, é considerado uma das principais personalidades da mágica cidade de Patrimônio Histórico Cultural de Olinda.

A campanha pelas Lentes do Amor vai ajudar Xirumba, 73 anos, a cuidar da saúde. A saúde, sabemos, não pode esperar. Doe agora.


A hora é agora! Contribua com
Pelas lentes do amor

Saiba mais sobre o criador desta campanha:

Facebook

Conheça quem está à frente desta campanha

Alessandra Nilo
  Alessandra Nilo
  

Você acredita que essa campanha tenha conteúdo proibido? Reporte esta campanha.