SEM MEDO DE SER FELIZ
Edson França
Itambaracá - PR
Pré-venda ColetivaQuadrinhosArte
R$ 85,00 da meta de R$ 20.000,00
0%

Preciso de seu apoio para publicar o gibi As aventuras de Telles com um unico objetivo, orientar nossas crianças e adolescentes sobre o mal, que cada vez mais preocupa a sociedade,o consumo de drogas, que não diferencia gênero, crença, idade ou classe social.

Se a experiência de uma sociedade sem drogas é impossível, o trabalho para diminuir seus efeitos e influências em nosso meio é bastante viável.

Precisamos fazer algo, se não para combater esse estado de ação, ao menos para tentar amenizar, foi assim que surgiu a ideia do gibi          As aventura de Telles que nasceu com essa missão:  

“Caso o inferno tenha em seu projeto tornar dependente de drogas cem mil jovens por ano, e se através de minhas escritas e palestras informativas sobre drogas, um jovem, apenas um, escapar deste terrível mal”...

  • Já valeu a pena sonhar por uma causa justa.
  • Valeu a pena vencer as dificuldades para realizar este sonho.
  • “Valeu à pena ter sofrido a dor que sofri com meu filho, pois este sofrimento foi um propósito de Deus para que hoje eu leve informações sobre drogas a jovens despreparados”

Com um único objetivo:

  • Que nossos filhos, os nossos netos e bisnetos, tenham a liberdade de frequentar uma escola sem que sejam aliciados pelo tráfico.
  • Que nossos filhos, os nossos netos e bisnetos, possam frequentar um Shopping Center sem o risco de sofrer um assalto relâmpago.
  • Que nossos filhos, os nossos netos e bisnetos, possam ter amigos sinceros e não alguém pronto para introduzi-los no mundo das drogas.
  • Acima de tudo, que nossos filhos, os nossos netos e bisnetos, possam ter um lar cristão.

A história de Telles vai oferecer às crianças e aos adolecentes, “amor pela vida”.

Um amor verdadeiro; diferente do hedonismo que promove uma existencia sem sentido, carente de aspirações elevadas ou proposito mais nobre.

Sobre o gibi:

As aventuras de Telles! é  uma história curta e objetiva, ao mesmo tempo emocionante, que servirá de lição para muitos jovens despreparados.

O objetivo do gibi: Fornecer ao leitor, através de uma literatura leve, a oportunidade dele aprender a se defender dos perigos que se escondem atrás de uma doce conversa.

Já que o conteúdo do gibi fornecerá informações que orientará os jovens a evitar e aos pais e educadores como identificar o perigo que gravita entorno dos jovens.

É muito fácil participar.

Finalize em segundos!

Mais de 2 milhões de brasileiros

Pagamento seguro

Parcele em até 12X

Palavras do autor

Gostaria de expressar toda a minha alegria neste momento, e, elas, são maiores que possam ser imaginadas, ter a oportunidade de doar informações que podem salvar vidas, me faz sentir um evangelista entre os adictos...

Agradeço a Deus pela força que me concedeu para esta realização.

Literalmente iniciei do zero, sem um “tostão furado,” batendo na porta dos amigos em busca de patrocínio, que nem sempre conseguia; e, todas as vezes que recebia um “não,” Deus me dava força para avançar e uma certeza: Estas informações podem livrar algum jovem do terrível corredor da morte que a droga conduz.”

Pelos Rodrigos, pelos Kevens, pelos filhos e filhas de pais desconhecidos, tinha que continuar, não podia desistir.

A história de Telles é uma ficção, nada do que aqui foi escrito é fato real.

Contudo, na inspiração divina, olhei em meu entorno para tirar as lições que aqui foram escritas.

O avanço das drogas ameaça transformar o sonho da juventude numa terrível frustração: a violência avança impune no Brasil e o seu principal estopim, a distribuição de drogas.

O hediondo mercado das drogas está dizimando a juventude, ele vai ceifando vidas em todos os segmentos da sociedade.

Para evitar que este mal atinja nossas crianças que esta História em Quadrinho foi escrita.

É uma ficção na verdade, fruto de imaginação, criada por inspiração divina.

Para que você não venha ser o autor de uma história real, que possa trazer prejuízo para sua família, para a sociedade e principalmente para você.

Toda honra e toda a glória por esta realização dedico a Deus por Jesus Cristo, pela Sua bondade para comigo, e o rico dom de criar que me doou.

Sem este dom seria impossível ter escrito esta história.

Que o amor de Deus, o mesmo amor que me inspirou enquanto escrevia este HQ, possa encontrar espaço em seu coração, para que não caia na tentação de provar as drogas.

Nem por brincadeira.

Iremos fazer a impressão de 10.000 gibis As aventuras de Telles com  objetivo fornecer através da literatura, informações preventivas sobre drogas, para que as crianças e adolescentes clientes preferidos do tráfico; possam resistir às falsas promessas que as drogas (licitas ou ilicitas) oferecem.

 

Sou irmão Edson França, palestrante, capacitado pelo DIPE DENARC (SP) como Agente Multiplicador de Prevenção ao Uso Nocivo às Drogas.

67 anos, sinto extremamente feliz da vida por ser crente em Jesus Cristo; casado com Maria Teixeira de Melo França, tratada carinhosamente de irmã Mara, juntos a 44 anos, desta união tivemos três filhos nove netos e três bisneto com o quarto bisneto a caminho.

Nunca havia passado pela minha cabeça em me tornar escritor, muito menos palestrante; droga nem pensar; era algo proibido de se falar em casa. Estranho que só me dei conta que estava errado após a prisão de meu filho ocorrida em 2003, era músico tocava na igreja que frequentamos, pelas drogas foi parar na cadeia. Uma realidade brutal, até então impensada; que requereu de mim todo o empenho para que o dano não fosse maior.

Neste instante, senti como se mundo fosse desmoronar em minha cabeça, porém sabia também; que se o mourão arriasse o resto da cerca cairia junto. Portanto restaram somente duas opções, lutar e aprender.

Nesta escola da vida, aprendi a calcular o peso de uma lágrima, toquei no abstrato da dor, percorrendo o labirinto da angústia para chegar à ciência da alma. Foi quando descobri que a dor é apenas um caminho para perfeição.

Pensando desse modo, tentei doar o que estava aprendendo como forma de prevenção a outros pais.

Por tais razões, escrevi o livro “Filho deixa eu te ajudar” editado no ano de 2005 com o patrocínio da escola de ensino a distância Instituto Monitor.

Embora houvesse escrito este livro, não tinha pretensão de enveredar-se pelo mundo autoral. Porém no mês de novembro de 2006, condoído com o sofrimento que um irmão estava passando com o filho, senti desejo de ajudá-los. Foi quando redigi, e enviei ao filho deste amigo uma carta conselho, e junto enviei copia de uma das cartas recebidas de meu filho.

Acredito que o título da carta que dizia: “Jovem-, que esta carta escrita por um rapaz que está provando o frio de uma prisão. Possa te servir de bagagem para valorizar o calor da liberdade”.

O titulo mais a carta de meu filho que foi anexada, mexeu com o sentimento do rapaz, pois as cartas de meu filho eram escritas extraídas do fundo de sua alma nos momento de solidão, quando tinha como companhia somente uma folha de papel, e uma caneta para extravasar seus sonhos, anseios, e desejos.

Após algum tempo, vi que o resultado em parte havia sido satisfatório, o prejuízo ficou na parte espiritual, não toca mais na igreja. Hoje este rapaz faz parte da ROTA (Ronda Ostensiva Tobias Aguiar) em São Paulo.

Sendo assim, senti que deveria abrir mão de minha privacidade para o bem de outros jovens, não me restando alternativa, a não ser transcrever algumas cartas de meu filho, aliás! Manuscritos poéticos, e transformá-los num livro.

Foi quando nasceu o livro “Lágrimas embaladas de um filho para os pais”.

Não foi fácil lutar pelo meu filho, mas graças a Deus venci, já faz 12 anos que está fora e limpo, trabalha - casou e me deu um neto e uma neta linda, trabalha oito anos numa mesma empresa e só tem me dado alegria. Sinto-me recompensado por nunca ter desistido de meu filho.

Pelo meu filho, (era músico oficializado, tocava clarineta) pelo Rodrigo, (era músico oficializado, tocava violino), pelo Kevin, (era músico oficializado, tocava Tuba, foi enterrado aos 17 anos com o corpo cheio de balas) e pelos filhos e filhas de pais desconhecidos.

Firmado neste compromisso no ano de 2010 escrevi e publiquei o livro, Hains&Tein. Contra Kreoga o príncipe do mal.

O enredo, em velocidade de Fórmula1, abriga mistério, ação, romance e exemplos edificantes para os adolescentes.

 

No ano de 2011 aproveitei o impacto da morte de Amy Winehouse, publiquei e foram distribuídos gratuitamente nos Trens da CPTM, METRÔ, praças e escolas públicas: 3.000 revistas com informações sobre drogas.   “A droga não é o fim de um problema, mas o inicio de vários problemas sem fim!”

Em 2012 tentei publicar o livro “Telles, seja feliz!” uma história que havia escrito sobre prevenção às drogas.

Só conseguindo em 2013; Deus apareceu mais uma vez na minha vida, tomou corações de amigos e numa publicação independente publiquei 3.000 livros que foram doados com o mesmo objetivo.

Não foi fácil publicar e distribuir de graça 6.000 exemplares entre livros e revistas, entretanto esta conquista não teria acontecido se não fosse pelo apoio de empresários amigos, que sensibilizados uniram-se a nós neste trabalho, acreditando num visionário.

Confesso, literalmente iniciei do zero, e todas as vezes que recebia um “não,” Deus me dava força para avançar e uma certeza: “Estas informações podem livrar algum jovem do terrível corredor da morte que a droga conduz”.  É esta certeza que me impulsiona neste trabalho, sempre que posso estou a fazê-lo.

No ano de 2015 transformei o livro Telles, seja feliz! numa história em quadrinhos (gibi) mudando o título para As aventuras de Telles!

Hoje ainda continuo a fazer esse trabalho de formiguinha, aliás, já se completaram 16 anos que cumpro essa missão com apoio de pequenos empresários que acreditaram num visionário; não é fácil levar informações que vai de encontro com a cadeia alimentar que a droga licitamente sustenta.

Já pensei em desistir, mas, quando me lembro das crianças que podem ser tragadas pelo furacão das drogas, continuo em frente mesmo sabendo das dificuldades que terei que enfrentar.

O trabalho visa chamar a atenção da sociedade, para a necessidade de prevenção às drogas através de informações por meio de palestras, oficinas, folders, cartazes, história em quadrinhos e livros que mostrará à população as consequências que o vício pode trazer.

Público-alvo: educadores, pais, assistentes sociais, lideranças religiosas, lideranças comunitárias e principalmente para o público Infanto-juvenil, clientes preferidos do tráfico.

Este projeto visa beneficiar principalmente pais e filhos, já que o proposto é fornecer informações que orientará os jovens a evitar e aos pais como identificar o perigo que gravita entorno dos filhos.

Não há opção mais inteligente para deter o avanço das drogas.

 

 

Contribua com o que puder porque no financiamento
coletivo 20 reais de cada pessoa faz uma grande diferença!

Fale com a Kickante

A mais completa plataforma de
Crowdfunding do Brasil

R$ 85,00
da meta de R$ 20.000,000%
Edson França
Itambaracá - PR
Pré-venda ColetivaQuadrinhosArte
Campanha lançada em 18/06/2022

Campanha Flexível

Destaque

Roberto Henrique de Araujo

1º Kick

R$ 50,00

Roberto Henrique de Araujo

Maior Kick

R$ 50,00

+ 2 milhões

de brasileiros participando na Kickante

Mais de 300 milhões de reais

Contribuídos para projetos variados

+ 100 mil projetos

São milhões de brasileiros impactados!

Painel Transparente

Veja o status real de toda contribuição.